• 2020-03-06
  • 239
  • Por: Show Gospel

Com temática LGBTQI+, o grupo Preto no Branco lança o clipe de “Meu Lugar É Seu Amor”

Para banda, a mensagem que fica é a de que "o amor de Deus cabe para todo mundo"

Com videoclipe inteiramente gravado em Belo Horizonte, cidade natal da banda, a música composta por Clóvis Pinho e Estevão Queiroga procura tratar o tema com a clareza e beleza necessárias

Chegou na última quarta-feira, dia 4, plataformas digitais o videoclipe da canção "Meu Lugar é Seu Amor", do grupo Preto no Branco. O vídeo, que é protagonizado pelo ator Guilherme Baptista, de orientação bissexual, trata sobre a temática LGBTQI+, um tema delicado – e importante – no meio gospel. 

Se você ainda se pergunta por que razão uma banda famosa pelos seus belos hinos de louvor resolveu abordar um assunto que, mesmo atualíssimo, ainda é tratado praticamente como invisível nesse meio, Alex complementa: "Por conta da falta de informação, acham que pessoas LGBTQI+ não são dignas de buscar a Deus. Como se Deus não os amasse como pessoas. A inspiração veio de um inconformismo".

"Essa canção fala sobre o amor de Deus a todas as pessoas, indistintamente, independentemente de suas orientações de gênero", afirma Alex Passos, o criador do grupo Preto no Branco, uma referência no mundo gospel. E esse olhar se revela através da música "Meu Lugar é Seu Amor", que teve lançamento nas plataformas digitais no dia 14 de janeiro, mostrando que - na prática, na realidade - ninguém é excluído de Deus.

O clipe da canção foi dirigido pelo próprio Alex, com fotografia de Marko Costa e edição e finalização de Daniel Maurício. "Poderíamos ter escolhido a história de um viciado em drogas, por exemplo, que também sofre preconceito, violência, rejeição e discriminação. Mas optamos por um tema muito importante e atual, contando a história de uma pessoa de orientação LGBTQI+ que passa pelos mesmos problemas", revela Alex.

Coproduzido pelo Projeto The Hands, que busca evangelizar pelo mundo através da música e da arte, o videoclipe foi inteiramente gravado em Belo Horizonte, cidade natal da banda. Além da captação em estúdio, também teve cenas rodadas na rua e em uma lanchonete. A participação do grupo de dança Ide, que não é cristão, foi a cereja do bolo. Um tema tão delicado como o preconceito sofrido pela comunidade LGBT não poderia ganhar outro tratamento, não é mesmo? E quando se trata do Preto no Branco, o recado - em música e em vídeo - sempre fala direto ao coração. 

Composta por Clóvis Pinho e Estevão Queiroga e produzida por Abee, "Meu Lugar é Seu Amor" procura tratar o tema com a clareza (e beleza) necessária: "Uma história não é um momento / É uma estrada que se faz no tempo / Quem me vê, não pode ver minha dor / Ninguém sabe o que acontece dentro". E a letra interpretada pelo Preto no Branco vai mais além: "Mais um dia, mais um julgamento / Se eu fugir de mim pra onde vou? / Mas eu sei que Deus me conhece mais que eu / Mesmo vendo o que ninguém mais vê / Deus me ama e quer me proteger".

Para Alex, a mensagem que fica é a de que o amor de Deus cabe para todo mundo. "As coisas que precisam ser mudadas na vida da pessoa, serão mudadas na caminhada com Cristo. É o andar com Deus que transforma o que tem que ser transformado", afirma. "A gente não está aqui para condenar, mas sim para dizer que Deus ama e recebe todo mundo", completa. 

E essa mensagem tem sido uma constante na carreira do grupo criado por Alex. Apesar da curta carreira - eles surgiram em 2015, em Belo Horizonte -, o Preto no Branco virou rapidamente um dos maiores e mais importantes nomes do gospel no Brasil. Nos álbuns lançados em 2015 e em 2017, eles misturam samba, pop e soul, numa salada de black music muito bem azeitada, com o desafio de estar sempre se renovando. Para se ter uma ideia do alcance da banda nas redes sociais, são quase 3 milhões de inscritos somente em seu canal no YouTube. 

O número de seguidores do Preto no Branco também inclui muita gente da música, como Luan Santana, Claudia Leitte, Marília Mendonça, Wesley Safadão, do humor, como Whindersson Nunes e Tirulipa, e até o jogador Neymar. Todos já demonstraram publicamente a paixão pelo hit "Ninguém Explica Deus", que - não por acaso - gerou o clipe gospel mais visualizado no próprio YouTube, ultrapassando a (impressionante) marca de 440 milhões de cliques. É a mesma canção que também rendeu para o grupo um Single de Diamante, pelos mais de 300 mil downloads, e o Troféu de Ouro 2016 de Melhor Música, além de ser escolhida como o Top Single Gospel 2017, segundo o Deezer.

Você já pode assistir ao videoclipe de "Meu Lugar é o Seu Amor" aqui: https://youtu.be/F-CSRXA32B4